8.2 C
Londres
segunda-feira, abril 15, 2024
Descrição da imagem

Sustentabilidade e bioeconomia são pautas de Lula e Macron

Date:

Descrição da imagem

Com a aproximação da 30ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP 30), que será sediada em Belém, cada vez mais os olhos do mundo se voltam para a Amazônia, em especial para o estado do Pará. Por isso, a primeira parada da agenda bilateral entre os presidentes Luiz Inácio Lula da SIlva, do Brasil, e Emmanuel Macron, da França, nesta semana, foi Belém, na tarde desta terça-feira (26). 

O Governador Helder Barbalho, acompanhado da primeira dama do estado, Danielle Barbalho, do Ministro das Cidades, Jader Filho, e do Ministro do Turismo, Celso Sabino, recebeu a comitiva que conheceu a Ilha do Combu e as alternativas de bioeconomia e desenvolvimento sustentável da região.

Compuseram a comitiva do Executivo Federal também a primeira-dama do Brasil, Janja, os ministros Mauro Vieira, das Relações Exteriores; Marina Silva, do Meio Ambiente; e Sonia Guajajara, Ministra dos Povos Indígenas, além de Ricardo Neiva Tavares, Embaixador do Brasil na França.

Conteúdo relacionado

Macron condecora Raoni com mais alta horaria da FrançaLula e Macron desembarcam em Belém e vão à Ilha do CombuVídeo: Janja vai à Ilha do Combu e diz estar “emocionada”

O presidente Francês, por sua vez, foi acompanhado pelo ministro de Europa e dos Negócios Estrangeiros, Stéphane Séjourné, a secretária de Desenvolvimento e Parceiras Internacionais do Ministério de Europa e dos Negócios Estrangeiros, Chrysoula Zacharopoulou, além do embaixador da República Francesa no Brasil, Emmanuel Lenain.

O governador presenteou o presidente francês com uma camisa marajoara, uma do Remo e uma do Paysandu. Na Ilha do Combu, eles visitaram a fábrica de chocolates “Filha do Combu”, considerada um exemplo de bionegócio, com produção artesanal e sustentável de cacau.

Durante a viagem ao Combu, também, ocorreu a primeira reunião bilateral entre os governos, com a participação do Governador Helder Barbalho. O líder indígena Raoni Metuktir recebeu, também no Combu, do presidente Macron, a condecoração expoente mundial da causa indígena. 

Juntos, Helder e Lula mostraram ao presidente francês, Emmanuel Macron, a complexidade da questão amazônica e as alternativas de desenvolvimento econômico sustentável, que encontram na bioeconomia o caminho chave para a transição para uma economia de baixo carbono. 

Quer ver mais notícias? Acesse nosso canal no WhatsApp

Emmanuel Macron permanece no Brasil até a quinta-feira (28) e ainda deve visitar as cidades de Itaguaí (RJ), São Paulo e Brasília. Ambos os presidentes seguem, ainda na noite desta terça, para o Rio de Janeiro.

Com o presidente @LulaOficial e as ministras @MarinaSilva e @GuajajaraSonia, estamos recebendo o presidente da França @EmmanuelMacron que visita a Amazônia brasileira. Vamos apresentar como funcionam as atividades bem-sucedidas de bioeconomia e as ações que estamos fazendo como… pic.twitter.com/5Y1xaChoXm

— Helder Barbalho (@helderbarbalho) March 26, 2024

Descrição da imagem

Compartilhe

Descrição da imagem

Mais Acessadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here