8.3 C
Londres
terça-feira, abril 23, 2024
Descrição da imagem

Imprensa mundial destaca visita de Emmanuel Macron a Belém

Date:

Descrição da imagem

A imprensa francesa dá destaque à visita do presidente Emmanuel Macron, que chega nesta terça (26), à Belém, como um movimento em apoio à transição ecológica do governo brasileiro. O jornal francês “Les Echos” informa que o líder francês foca na bioeconomia na visita ao Brasil. “Emmanuel Macron entra na América Latina pela porta da Amazônia”, ressalta o diário ao informar que o presidente Lula vai recebê-lo em Belém, “grande cidade da Amazônia, que será sede da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas – COP30, no próximo ano”.

O título da matéria é sugestivo: “Macron joga a carta da transição ecológica no Brasil”, e o texto reforça o interesse do presidente da França na transição energética do Brasil. “A luta contra o desmatamento avançou muito desde que Lula chegou ao poder, no ano passado. Mas a ambição vai além e diz respeito a todas as energias livres de carbono. A França quer traçar “um verdadeiro roteiro estratégico sobre a energia, desde materiais raros até à energia nuclear, incluindo o hidrogênio renovável”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS:

Brasil assinará acordo de cooperação com a FrançaVeja: Jader Filho assinará acordo bilateral com Macron no PAHelder receberá Lula e Macron na próxima terça em Belém

LE FIGARO

O tradicional jornal Le Figaro traduziu o sentimento da gestão de Macro, com relação a esta visita ao Brasil. “Estamos num momento franco-brasileiro” revelou o jornal após entrevista com representantes do governo francês, destacando “muitos pontos de convergência” com Lula, particularmente nas “grandes questões globais”.

“Este momento surge depois de um eclipse de quatro anos e de um virtual congelamento das relações políticas entre os nossos dois países durante a presidência de Bolsonaro”. “Em plena crise dos incêndios na Amazônia, Jair Bolsonaro e os seus ministros fizeram comentários muito depreciativos, até mesmo insultuosos, ao presidente Macron e à sua esposa, o que acabou por envenenar a relação”, informa o veículo de comunicação.

Quer mais noticias sobre política? Acesse o nosso canal no WhatsApp!

Durante sua passagem por Belém, Emmanuel Macron vai condecorar o cacique Raoni com a medalha da Legião de Honra, a mais alta distinção francesa. A condecoração de Raoni, de 92 anos, será feita em Belém. A honraria será conferida a Raoni por seu papel como “figura internacional da luta pela preservação da floresta amazônica e a cultura dos povos originários”

Os jornais também deram destaque à visita que Macron fará, em companhia do presidente Lula, do governador Helder Barbalho, do senador Jader Barbalho e do ministro Jader Filho à Ilha do Combu, onde vai visitar a Casa de Chocolate, comandada pela líder comunitária e empresária, Izete Costa, a dona Nena, que mantém a produção de cacau e chocolate há mais de uma década na ilha. Está prevista uma visita à floresta local onde os dois presidentes terão uma reunião com lideranças indígenas. “Queremos mostrar um exemplo exitoso de atividade sustentável na Amazônia, que traz renda digna para essas pessoas”, disse a embaixadora.

Após os eventos externos, o presidente da França e comitiva terão encontros com Helder Barbalho e com o ministro das Cidades, Jader Filho, quando vai assinar um acordo de cooperação bilateral com o Brasil. “Esse acordo vai permitir a execução de projetos de desenvolvimento urbano para aprimorar a capacidade de estruturação de projetos nessa área, favoráveis à atração de recursos internacionais. O acordo abrange ações em saneamento básico, tratamento de esgoto e drenagem, manejo de resíduos sólidos, mobilidade urbana de baixo carbono, habitação especial, habitação de interesse social como o Minha Casa, Minha Vida, além de cidades sustentáveis, resilientes e inteligentes”, detalhou o ministro.

Descrição da imagem

Compartilhe

Descrição da imagem

Mais Acessadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here