13.8 C
Londres
quinta-feira, abril 18, 2024
Descrição da imagem

Remo vence a Tuna e fica em vantagem por vaga na final do Parazão

Date:

Descrição da imagem

Tylon Maués

No “primeiro tempo” da semifinal do Campeonato Paraense, deu Clube do Remo e, mais uma vez, de virada. O Leão Azul venceu a Tuna Luso por 2 a 1, no Mangueirão, mesmo local do segundo jogo, domingo à tarde. O time azulino ganhou a vantagem de jogar pelo empate para garantir a vaga para a decisão. Já a equipe cruzmaltina tem que ganhar com dois ou mais gols de diferença para se garantir na decisão. Uma vitória lusa por apenas um gol, seja qual for o placar, leva a decisão para as penalidades.

O resultado marca mais um passo na incrível sequência tendo o técnico Gustavo Morínigo à frente do Remo, com cinco vitórias e um empate, sendo que em três dessas partidas saiu atrás do placar. Ontem, a Tuna abriu o placar com Jayme, no primeiro tempo, quando mandou na partida. Na etapa final o jogo ficou mais equilibrado, mas o Leão foi mais objetivo e virou com gols de Ytalo e Sillas, este último em cobrança de pênalti.

Entre os azulinos, ficou a certeza que o jogo de volta será ainda mais difícil. “O nosso começo foi mais mérito da equipe deles do que erros nossos. A Tuna é uma equipe de qualidade e conseguiu nos empurrar para trás. Mas consertamos no intervalo, conseguimos voltar bem para o segundo tempo e virar o placar”, disse o centroavante Ytalo. “Estou muito feliz com a vitória e a minha volta. A gente sabia que seria um jogo muito difícil, com a equipe da Tuna que tem ótimos jogadores, que se encaixariam muito bem tanto em Remo quanto no Paysandu”, completou o meia Marco Antônio.

O zagueiro Ligger destacou que o time soube superar mais uma vez uma adversidade para dar a volta por cima. “Saímos no primeiro tempo ruim para uma vitória. Vamos aproveitar esse pouco tempo para poder descansar para o segundo jogo e a gente voltar mais preparado ainda”. Autor de uma assistência e do lance em que resultou na penalidade que decidiu a partida, o atacante Kelvin teve sua melhor atuação com a camisa azulina desde o início da temporada. “Eu estou procurando o meu momento. Venho trabalhando para isso e fico feliz em contribuir”.

Na Tuna, a ordem é superar esse primeiro resultado ruim para focar na decisão de domingo. “Agora é descansar para que a gente possa se recuperar bem, para que todo mundo possa estar bem preparado para o próximo jogo. Não tem nada decidido ainda”, finalizou o experiente zagueiro Marlon.

O post Remo vence a Tuna e fica em vantagem por vaga na final do Parazão apareceu primeiro em Jornal Diário do Pará.

Descrição da imagem

Compartilhe

Descrição da imagem

Mais Acessadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here