12 C
Londres
sexta-feira, abril 19, 2024
Descrição da imagem

Paysandu joga mal e perde para o Manaus pela Copa Verde

Date:

Descrição da imagem

O Paysandu perdeu para o Manaus pelo placar de 1 a 0, na noite desta quinta-feira (21), pelo jogo de ida das quartas de final da Copa Verde, realizado na Arena da Amazônia, em Manaus (AM). O único gol do jogo foi marcado por Adenilson, ainda no primeiro tempo.No geral, uma atuação horripilante do Papão, que não se encontrou em nenhum momento. Passou a maior parte da partida com a bola, mas sofreu com a falta de criação e com tomadas de decisões erradas. Hélio dos Anjos tem culpa no cartório, pois insiste nos mesmos erros, porém, faltam reforços.Conteúdo Relacionado:Veja como foi o Lance a Lance da partidaNa primeira etapa, o meia Robinho ficou aberto na ponta direita e Edinho teve que colar em Nicolas, centralizado. Na meiuca, Leandro Vilela e Val Soares tentavam armar e os zagueiros adiantavam a linha de marcação para tentar sufocar o Gavião.Os bicolores exageraram em bolas alçadas na área. Nicolas não teve sucesso contra os zagueiros adversários. É uma situação que preocupa para a sequência da temporada, já que o Parazão entra na reta final, assim como a Copa Verde e a Série B se aproxima.Primeiro Tempo:O Paysandu começou indo para cima do Manaus e procurava muito o lado direito com Robinho. Com apenas um minuto, Vinícius Leite teve uma grande chance, mas viu o goleiro Vinícius fazer uma grande defesa. Com menos de 5 minutos já eram três escanteios para o Lobo.No entanto, depois o Papão ficava com a bola, porém a objetividade no ataque diminuiu e os donos da casa começaram a gostar do jogo. Aos 14 minutos, Adenilson aproveitou sobra na área e mandou para o fundo do gol, abrindo o placar para o Gavião. 

 O goleiro Diogo Silva fez uma grande defesa aos 19 minutos, quando Val Soares cabeceou contra o próprio gol. Aos 24, Robinho deixou Vinícius Leite de cara, mas o atacante cortou para a direita, viu a marcação chegar e voltou para o meia, que abriu para Edinho, também livre, mas que demorou para chutar e viu o zagueiro bloquear o chute.A verdade é que, após o gol, os bicolores se perderam na partida e viram o Manaus equilibrar as ações. Hélio dos Anjos via sua equipe espaçada, lenta, sem criatividade e com uma marcação “sonolenta”. Mesmo com o Gavião recuando, o Paysandu foi ineficiente.Segundo Tempo:O Paysandu voltou o mesmo: tentava pressionar o Manaus, porém faltava qualidade na criação. Muitos passes errados eram vistos no time bicolor. Aos 9 minutos, Roney ganhou duas divididas com Lucas Maia e Wanderson e saiu cara a cara com Diogo Silva. Ele rolou para Ibiapino, que chutou e viu Wanderson aparecer “do nada” e salvar o Papão.No lance seguinte, Vinícius Leite driblou geral, porém outra vez levou para o meio e perdeu ângulo. O atacante tocou para Val Soares, que ajeitou para Robinho. O meia chutou, Vinícius deu rebote e derrubou Kevyn. O juiz marcou pênalti, mas o bandeira pegou impedimento do lateral alviceleste.O Paysandu seguia com a bola, mas a produtividade era a mesma de sempre: fraca. Bicolores não conseguiam oferecer perigo. Hélio mexia na equipe, mas nada mudava. Era só bola na área para Nicolas tentar a sorte. O Manaus aguardava uma chance para sair em contra-ataque e aumentar a vantagem. No entanto, ninguém mais mexeu no placar.Próximo jogo:O jogo da volta acontece no próximo domingo (24), na Curuzu, em Belém, a partir das 17h. Quem se classificar enfrentará Remo ou Amazonas nas semifinais. O Papão precisa de uma vitória por dois gols de diferença e, caso vença por um, teremos pênaltis. O Manaus joga pelo empate.

Descrição da imagem

Compartilhe

Descrição da imagem

Mais Acessadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here