9.1 C
Londres
domingo, abril 14, 2024
Descrição da imagem

Lutador paraense é demitido do UFC por morder adversário

Date:

Descrição da imagem

No último sábado (23), o mundo das artes marciais mistas testemunhou um episódio bizarro durante o card preliminar do UFC em Las Vegas, quando a luta entre dois lutadores brasileiros, Igor Severino e André “Mascote” Lima, chegou a um desfecho inusitado. O confronto, que marcava a estreia de ambos na categoria peso-mosca, foi interrompido após Severino dar uma mordida no braço de seu oponente, resultando em sua desclassificação e posterior demissão.CONTEÚDO RELACIONADOEmbalado após vitória, Michel Pereira já tem novo desafioMichel Pereira apaga polonês e dedica vitória ao sul do ParáPatrício Pitbull revela alívio após cancelamento de lutaA cena chocante ocorreu durante o segundo round da luta preliminar do card Ribas x Namajunas. Enquanto os dois lutadores travavam um combate acirrado, Severino surpreendeu ao morder o braço de Lima, deixando perplexos tanto o público quanto os oficiais presentes. O árbitro Chris Tognoni agiu prontamente, consultando as equipes médicas e a comissão atlética antes de tomar a decisão pela desqualificação do lutador paraense.Quer saber mais notícias das artes marciais mistas? Acesse nosso canal no WhatsApp.Para André “Mascote” Lima, o desfecho da luta representou não apenas sua primeira vitória no UFC, mas também uma bonificação especial: um bônus de 50 mil dólares (cerca de R$ 250 mil), concedido pela organização em reconhecimento ao seu desempenho e à peculiaridade da situação.VEJA O VÍDEO DA MORDIDA:Em entrevista após o confronto, Lima expressou sua surpresa com o incidente, afirmando que estava focado no combate e que a mordida foi inesperada. “Não sei o motivo, a luta estava muito boa. Já esperava que ele seria agressivo, veio para cima de mim e acabou que me deu uma queda. Eu estava defendendo e senti uma dor. Achei que a grade tinha entrado no meu braço”, relatou o lutador, que celebrou sua conquista no octógono.🗣 “Achei que a grade tinha entrado no meu braço”. O @AndreMascote falou sobre a polêmica que resultou em sua vitória no #UFCVegas89. Se liga no que ele disse! [ Reveja o evento completo no @UFCFightPassBR ] pic.twitter.com/wPw8pRKN2M— UFC Brasil (@UFCBrasil) March 24, 2024DEMISSÃO CONFIRMADAIgor Severino, ex-campeão do Jungle Fight e invicto em oito lutas profissionais de MMA, viu sua trajetória no UFC ter um fim abrupto após esse incidente controverso. Sua demissão foi anunciada oficialmente pela organização na madrugada deste domingo (24), encerrando uma jornada que havia começado com sua vitória sobre Jonatha Silva no Contender Series em setembro do ano passado.QUEM É IGOR SEVERINOApesar do lamentável episódio durante sua estreia no UFC, Igor Severino construiu uma trajetória convincente nas artes marciais mistas. Revelado pelo “Dana White’s Contender Series” em 2023, o brasileiro ingressou na organização com um histórico impecável, sem nunca ter sofrido uma derrota em sua carreira.Representando a categoria peso mosca, Igor deu seus primeiros passos no MMA aos 15 anos, competindo pelo AFC (Alternativa Fight Combat). Desde então, o atleta demonstrou um talento excepcional, acumulando oito vitórias consecutivas antes de sua chegada ao Ultimate Fighting Championship.Sua ascensão meteórica culminou na conquista do cinturão dos moscas no Jungle Fight em 2022, quando nocauteou Manoel Juninho em uma impressionante exibição de habilidade e determinação. Durante sua passagem pela organização presidida por Wallid Ismail, o lutador paraense somou quatro compromissos, vencendo dois por nocaute e dois por finalização, demonstrando sua versatilidade no octógono.DESTAQUE NO “CONTENDER SERIES”As impressionantes performances de Severino chamaram a atenção e o levaram ao “Contender Series”, uma competição que oferece aos participantes a oportunidade de garantir um contrato com o UFC. Nessa disputa decisiva, Severino não decepcionou, nocauteando Jhonata Silva e assegurando seu lugar na maior organização de MMA do mundo.Cerca de seis meses após sua vitória no “Contender Series”, Igor realizou sua aguardada estreia no UFC. Contudo, o que deveria ser um momento de consagração se transformou em pesadelo quando o lutador foi sumariamente demitido após cometer um ato de indisciplina durante seu combate contra André Lima.LUTA EQUILIBRADA ANTES DA MORDIDAAntes do incidente lamentável, Severino estava protagonizando um confronto emocionante com André. Após um primeiro round eletrizante, o lutador paraense perdeu o controle de suas ações e cometeu a infração que resultou na desqualificação e no fim prematuro do combate.Apesar desse revés em sua carreira, o talento e a determinação de Igor Severino continuam evidentes, e resta esperar que ele possa aprender com seus erros e retornar ao cenário das artes marciais mistas com ainda mais determinação e profissionalismo.50k 💴 pic.twitter.com/MtZvAo7AIs— Andre “Mascote” lima (@Andremascote) March 24, 2024VEJA MAIS:

Descrição da imagem

Compartilhe

Descrição da imagem

Mais Acessadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here