26 C
Belém
terça-feira, julho 16, 2024
Descrição da imagem

Internacional vence Cuiabá em jogo polêmico e encosta no G-6

Date:

Descrição da imagem

Em jogo com arbitragem confusa, dois pênaltis anulados e mais de sete minutos de paralisação para checagens do VAR, o Inter mostrou resiliência para vencer o Cuiabá por 1 a 0 na Arena Pantanal, neste sábado (1). O duelo foi válido pela sétima rodada do Brasileirão.O primeiro tempo foi muito equilibrado e os times não conseguiram criar chances claras de gol. O 0 a 0 não saiu do placar.Hugo Mallo marcou o gol da vitória do Inter aos 22 minutos, em um momento tenso. Um minuto antes, o Inter teve um pênalti anulado. O Cuiabá também teve uma penalidade anulada na segunda etapa, muito mais movimentada.Conteúdo Relacionado:Bragantino vence o Grêmio e entra no G-4 do BrasileirãoCom 10 pontos, o Inter assumiu o sétimo lugar, encostando no grupo de times que se classifica à Libertadores. A equipe colorada ainda tem dois jogos atrasados.O Cuiabá segue sem somar pontos no Brasileirão. O time, que também tem dois jogos atrasados, é o último colocado.O Inter já tem compromisso na próxima terça-feira (4). A equipe colorada visita o Real Tomayapo (BOL), pela Copa Sul-Americana, às 21h30 (de Brasília).O Cuiabá volta a campo no dia seguinte. Em jogo atrasado do Brasileirão, a equipe recebe o Vitória, às 20h (de Brasília).O primeiro tempo não teve grandes chances de gol. Dentro do que os times se propuseram a fazer, os donos da casa foram mais bem-sucedidos.O Inter controlou a posse de bola e trocou mais passes. No entanto, a equipe colorada não conseguiu encontrar espaços na defesa dos anfitriões. Na melhor chance dos visitantes, aos 33′, Wesley fez jogada individual pela esquerda e bateu bem; o chute foi desviado e a bola balançou as redes pelo lado de fora.O Cuiabá apostou em definir os lances de forma mais rápida. Quando tinha a bola, a equipe da casa logo tentava definir a jogada, com passes longos para Isidro Pitta – pego em impedimento duas vezes. A melhor chance do Dourado foi com Max. Aos 31′, ele cabeceou forte após cruzamento de Ramon, mas Rochet encaixou.Os primeiros minutos do segundo tempo pareciam mais do mesmo, mas Wesley, atacante do Inter, fez boas jogadas e ajudou o Colorado a pressionar. Sempre pelo lado esquerdo do campo, ele criou espaços e os gaúchos perderam a chance de abrir o placar.Em arrancada pela esquerda, aos 8′, Wesley deixou o marcador para trás e cruzou rasteiro, em um lance que se repetiria algumas vezes. Alan Patrick dominou e dividiu com Walter, a bola sobrou para Bruno Henrique, que completou de voleio, mas Bruno Alves tirou em cima da linha.Três minutos depois, o próprio Wesley quase marcou. Desta vez, ele tabelou pela esquerda – sempre por lá – e chutou de longe. A bola passou muito perto do travessão.O Inter continuou em cima e o perigo aumentou. Aos 17′, após finalização na trave de Bruno Henrique, Bruno Alves afastou com a mão a bola antes que Alan Patrick pudesse chutar. O árbitro marcou pênalti, mas, após consultar o VAR por quatro minutos, ele voltou, marcando uma falta no início do lance sobre o próprio Bruno Alves.No minuto depois da anulação do pênalti, o Inter pôde celebrar. Robert Renan cruzou da esquerda, aberto. Hugo Mallo dominou dentro da área e bateu forte, para vencer Walter e abrir o placar.Uma falha de Rochet quase comprometeu o resultado. Aos 32′, Vitão recuou de longe e Rochet dominou mal. Ele dividiu com Eliel e levou a pior. Depois, o goleiro segurou o atacante do Cuiabá. O árbitro marcou pênalti e expulsou o arqueiro.Quando tudo parecia perdido, o VAR mudou tudo. Depois de mais quatro minutos de paralisação, o árbitro marcou falta de Eliel em Rochet, anulou o pênalti e deu cartão amarelo para o jogador do Cuiabá.Ainda deu tempo de Rochet se redimir. Aos 40 minutos, Guilherme Madruga aproveitou sobra de bola na meia-lua e emendou um belo chute. Rochet voou e espalmou para escanteio, garantindo a vitória.

Estádio: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)Data e horário: 1º de junho de 2024 (sábado), às 18h30 (de Brasília)Árbitro: Anderson Ribeiro GonçalvesCartões Amarelos: Clayson, Denilson, Ramon (CUI); Borré, Lucho González, Mercado (INT)Gol: Hugo Mallo, aos 22 minutos do segundo tempoCUIABÁWalter, Matheus Alexandre (Railan), Marllon, Bruno Alves e Ramon; Lucas Mineiro, Denílson (Guilherme Madruga), Fernando Sobral (Gimenez); Max (Jonathan Cafu), Clayson (Eliel) e Pitta. T.: PetitINTERNACIONALRochet, Mallo (Igor Gomes), Vitão, Mercado e Robert Renan; Thiago Maia, Bruno Henrique e Mauricio (Aránguiz); Wesley, Borré e Valencia (Alan Patrick). T.: Eduardo Coudet

Compartilhe

Descrição da imagem

Mais Acessadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Descrição da imagem