8.3 C
Londres
terça-feira, abril 23, 2024
Descrição da imagem

Cunhada expõe vídeo íntimo de jogador para chantageá-lo

Date:

Descrição da imagem

Escândalo da chamada “epidemia” de câmeras escondidas no país asiático, tem gerado um problema sério que causou inúmeros protestos nos últimos anos.Embora a divulgação de pornografia seja considerada ilegal na Coreia do Sul, fotos e vídeos gravados sem permissão têm sido amplamente compartilhados na internet.Essa semana, a cunhada de Hwang Ui-jo foi condenada a três anos de prisão por publicar vídeos explícitos do jogador e tentar chantageá-lo.Ela, que não foi identificada, foi acusada de compartilhar os vídeos nas redes sociais. A mulher se passou por uma ex-namorada que acusava Hwang de infidelidade.Conteúdos relacionados:Vídeo íntimo de jogador de Portugal viraliza antes de jogoGoleiro do Internacional posta nude e faz sucesso na webVaza vídeo de ex-goleiro remista faz sexo com líder de torcidaO escândalo veio a público depois do término de Hwang com a cantora Hyomin, do grupo KPop T-ara. O tribunal considerou que a cunhada divulgou os vídeos “com a consciência de que seriam disseminados indiscriminadamente”, de acordo com informações da agência de notícias Yonhap.”O conteúdo foi amplamente distribuído dentro e fora da Coreia do Sul (…) A natureza do crime é muito grave”, pontuou o tribunal.Quer mais notícias do mundo? Acesse nosso canal no WhatsAppOs vídeos também desencadearam em uma investigação contra o Hwang para entender se as relações sexuais foram filmadas sem consentimento. O atacante negou, mas o Ministério Público ainda tomará sua decisão.A Federação Sul-Coreana suspendeu Hwang para aguardar as conclusões da investigação, o que deixou o atacante de fora da Copa Asiática.O jogador tem 19 gols em 62 partidas pela seleção da Coreia do Sul. Ele estava no elenco que enfrentou o Brasil na Copa do Mundo de 2022.

Descrição da imagem

Compartilhe

Descrição da imagem

Mais Acessadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here