9.9 C
Londres
segunda-feira, abril 15, 2024
Descrição da imagem

Acusados de assassinato de jogador vão a júri popular no PR

Date:

Descrição da imagem

O júri popular dos sete acusados de envolvimento no assassinato do jogador de futebol Daniel Corrêa Freitas, ocorrido há cinco anos, teve início nesta segunda-feira (18) no Fórum de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).O ex-atleta foi encontrado sem vida no dia 27 de outubro de 2018, parcialmente degolado e com o órgão genital cortado. O crime ocorreu após Daniel participar do aniversário de Allana Brittes, filha do empresário Edison Luiz Brittes Júnior. O empresário confessou o assassinato.Relembre o passo a passo do caso:Evento: O júri popular dos sete acusados de envolvimento no assassinato de Daniel Corrêa Freitas teve início nesta segunda-feira (18) no Fórum de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).Localização e Tempo: O julgamento ocorre cinco anos após o crime, que aconteceu em 27 de outubro de 2018.Vítima: Daniel Corrêa Freitas, ex-jogador de futebol, foi encontrado morto em São José dos Pinhais, parcialmente degolado e com o órgão genital cortado, segundo a polícia.Circunstâncias: O crime ocorreu após Daniel participar da festa de aniversário de Allana Brittes, filha do empresário Edison Luiz Brittes Júnior, na época com 38 anos. O empresário confessou à polícia ter assassinado o jogador.Acusados e Detenções: Edison Brittes Júnior, Cristiana Rodrigues Brittes, Allana Emilly Brittes, David Willian Vollero Silva, Eduardo Henrique Ribeiro da Silva, Ygor King e Evellyn Brisola Perusso são os sete acusados de envolvimento no crime. Algumas pessoas foram presas temporariamente pela Polícia Civil na época.Investigação e Descobertas: De acordo com a polícia, não houve tentativa de estupro por parte do jogador Daniel contra Cristiana, mulher do empresário. Além disso, o delegado do caso confirmou que Cristiana e a filha Allana mentiram em depoimento à polícia. 

 Detalhes do Crime: Daniel foi agredido dentro da casa dos Brittes, foi colocado vivo no porta-malas do carro de Edison e levado para a área rural de São José dos Pinhais, onde foi encontrado morto.Defesa dos Acusados: As defesas dos acusados têm argumentado diversas versões em relação ao ocorrido, desde a legítima defesa até a inocência de alguns dos envolvidos.Expectativas: A família da vítima espera que haja uma sentença exemplar para o caso, enquanto as defesas confiam na justiça e na ampla defesa dos acusados. 

 

Descrição da imagem

Compartilhe

Descrição da imagem

Mais Acessadas

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here