Eduardo Ramos marca na reestreia e Remo vence Pinheirense no Parazão

Com um gol de Eduardo Ramos, que fez a sua reestreia no clube, o Remo venceu o Pinheirense por 2 a 0 na tarde deste sábado, em confronto realizado no Estádio Olímpico Mangueirão, em Belém, pelo Campeonato Paraense. Com o resultado, o Leão praticamente garante uma vaga às semifinais de forma antecipada já ao final da sétima rodada. O General da Vila, por outro lado, vive uma situação complicada no Parazão, com seis partidas seguidas sem vitórias, na briga contra o rebaixamento.

Com 17 pontos e na liderança do Grupo A2, o Remo recebe o São Raimundo na oitava rodada. O jogo acontece no próximo dia 19, um domingo, a partir das 16h, no Mangueirão. O Pinheirense joga um dia antes, no sábado, às 17h, contra o Independente Tucuruí, no Navegantão. A equipe de Icoaraci tem apenas cinco pontos e ocupa e a penúltima posição no A1.

O jogo

Tanto Remo quanto Pinheirense entraram em campo com três atacantes, porém, a formação deu certo para o General da Vila, que, primeiro, marcou a saída de bola do adversário e, em seguida, saia em velocidade para o ataque, pressionando os remistas. Logo aos oito minutos, Biolay chutou forte dentro da área e André Luis fez uma grande defesa. O primeiro lance de perigo pelo lado azulino só foi acontecer aos 22 minutos, em um cabeceio de Henrique. Mas foi o Leão que saiu na frente. Wallace tocou na bola dentro da área. Pênalti. Marquinhos cobrou e abriu o placar no Mangueirão.

O Remo voltou para o segundo tempo com Eduardo Ramos, que fazia a sua reestreia na equipe depois de uma passagem pelo Santo André. E o meia deu uma nova dinâmica à partida, com jogadas rápidas pelo lado direito e passes importantes. As chances eram abertas para os dois lados. Primeiro, Feijão chutou para fora, dentro da área. Depois, Adriano Paredão desviou uma bola de Flamel, que tocou no travessão. E a estrela de ER33 brilhou no seu retorno ao Leão. Aos 30 minutos, Léo Rosa cruzou para o cabeceio certeiro de Eduardo: 2 a 0. No final, o Pinheirense pressionou, parou em André Luis, e o resultado continuou o mesmo.

globoesporte


Comentário